Odisseia 2018

A encenação mais recente do coletivo, Odisseia (2018) mistura o universo mitológico do clássico poema épico de Homero com a história dos atores da peça. Como rapsodos antigos, os intérpretes recontam odisseias pessoais e coletivas, oscilando entre realidade e fantasia. A experiência viva de narrativas marginais à Odisseia desafia tanto as dicotomias ficção/realidade, público/privado quanto borra a polaridade ator e espectador. A partir da tão conhecida história de um homem que deixou seu lar e seu coração para lutar uma guerra e acabou por vagar por 10 anos tentando voltar para casa, a Cia Hiato convida o público a tomar o lugar do protagonista ausente, Odisseu, e navegar por diferentes ilhas.

Os sete atores desenlaçam memórias, dúvidas e sonhos a partir dos personagens e narrativas do épico grego: o abandono de Telêmaco; a rejeição de Calipso; o corpo de Circe; a violência estratégica de Atena; o fogo de Héstia; a espera de Penélope. Uma viagem a um só tempo íntima e grandiosa; o encontro entre o ridículo da nossa vida ordinária e a força mítica das histórias que ainda tentam nos explicar. Porque, depois de tudo dito e feito, podemos igualmente ser ordinários e míticos.

Temporada: de 15 a 17 de fevereiro, na sexta, às 19h; e no sábado e no domingo, às 18h.

Ingressos: R$20 (inteira) e R$10 (meia-entrada)

Classificação: 18 anos

Duração: 270 minutos

 

 

Ficha Técnica

Livremente inspirado em “A Odisseia”, de Homero. Direção: Leonardo Moreira. Escrito por: Aline Filócomo, Aura Cunha, Fernanda Stefanski, Leonardo Moreira, Luciana Paes, Maria Amélia Farah, Paula Picarelli e Thiago Amaral. Elenco: Aline Filócomo, Aura Cunha, Fernanda Stefanski, Luciana Paes, Maria Amélia Farah, Paula Picarelli e Thiago Amaral. Assistência de Direção e Codireção: Aura Cunha e Luciana Paes. Dramaturgismo: Mariana Delfini. Iluminação e Cenografia: Marisa Bentivegna. Direção Audiovisual e Arte Gráfica: Laerte Késsimos. Trilha Sonora: Miguel Caldas. Figurinos: Chris Aizner. Objeto de Cena (Argos), Operação de Vídeo e Assistência de Palco: Cezar Renzi. Voz em off (Penélope – grego): Angeliki Papoulia. Voz em off (Odisseu - espanhol): Sebastian de la Cuesta. Fotos: Elina Giounanli e Ligia Jardim. Registro em Vídeo: Ricardo Sêco. Direção de Produção: Aura Cunha. Produção Executiva: Yumi Ogino. Produção Internacional: Ligne Directe, Judith Martin e Marie Tommasini. Coprodução: Sesc São Paulo; Onassis Cultural Centre – Atenas/Grécia; Mousonturm – Frankfurt/Alemanha; Grand Theatre – Groningen/Holanda; ProAC – Governo do Estado de São Paulo; Fomento ao Teatro – Prefeitura Municipal de São Paulo. Idealização: Cia. Hiato e Elephante Produções Artísticas.

Institucional
Quem somos
Parceiros
Receber Newsletter
Atendimento
 
Segunda à sexta-feira das 9h às 18h
Whats app 11 9 9126 3221
atendimento@pingpongcultural.com

© Ping Pong Cultural. Todos os direitos reservados.